#08 ciclos + simbologia das formas geométricas

oliverthi_ciclos_simboogia_da_formas_geometricas

mroliver_logo_b

qual o sentido da minha vida?

mroliver_logo_b

a pergunta mais clássica e que, infelizmente, mais as pessoas tem dúvidas em responder…
esta era a ideia do projecto da vez: respondê-la!

e lá vamos nós: mais um projecto de arte visual, do professor Arnaldo Vila Boas, aqui no mestrado em Design e Cultura Visual em Lisboa. desta vez, desenvolver um ensaio visual.
aproveitei a oportunidade para contar um bocado mais sobre a minha própria personalidade!

vem comigo, e aperta o play

oliverthi_oculos_BK

conceito

o objetivo do projecto visual Ciclos é ilustrar o meu próprio sentido da vida: o viver efetivamente ciclos, de experiências, relacionamentos, vivências boas e ruins, aprendizados e principalmente ciclos de perguntas e respostas, e do buscar interior.

representados por formas geométricas – estas que são minhas próprias tatuagens, para fazer uma maior conexão com minha própria personalidade -, cada ciclo é mostrado com uma cor e um objeto natural.
a proposta é mostrar que tudo é dual: cada forma geométrica sempre é formada por metade de um determinado objeto e outra metade de fundo (negativo), representando a dualidade da vida e do ser humano em si. e a apresentação visual é feita em movimentos aleatórios, para reforçar esta ideia de impermanência e de infinitos, ciclos que se iniciam e terminam, para novos recomeçarem.

oliverthi_oculos_BK

o número 5 e suas formas

na Índia, o cinco é a reunião do número dois feminino e do número três masculino e sendo o número de Shiva, na sua manifestação de transformador, é também o número da criação da vida. o número cinco é ainda o símbolo do Homem e do Universo, da ordem, da perfeição e dos cinco sentidos.

em minha perspectiva de vida, e analisando até o ponto em que ela está, posso perceber uma constante: 5 ciclos, e uma determinada ordem entre eles, representados por suas formas geométricas e signi cados simbólicos:

equilíbrio: enquanto presente no caos de algum possível problema ou decisão de vida, a busca pelo equilíbrio para melhores escolhas; na simbologia, o triângulo representa equilíbrio.

força e fé: após este momento de con ito, a busca interior por força para seguir, e fé em acreditar no impossível, e no desejo em realizar; na simbologia, o quadrado representa força e fé;

união: realizo as conexões necessárias, entre pensamentos, pessoas, relações e etc., para a vida seguir um uxo natural; na simbologia, o pentágono representa a união;

iluminação: para en m, chegar a conclusão, efetivação e a um aprendizado; na simbologia, a estrela (ou pentagrama) representa a iluminação e a sabedoria;

infinito: dando espaço para um novo ciclo se iniciar, e uma nova fase acontecer; e por m, o círculo, que na simbologia representa o in nito, ciclos e o próprio Universo.

oliverthi_oculos_BK

02
a proposta é mostrar que tudo é dual:
a vida em si e o ser humano

oliverthi_oculos_BK

os 5 elementos

no esoterísmo, o pentagrama é formado por cinco extremidades cercadas por um círculo que representam os cinco elementos: terra, ar, fogo, água e espírito.
cada extremidade do pentagrama simboliza um elemento: terra, água, fogo, madeira e metal. e cada elemento é gerado pelo outro, por exemplo, a madeira é gerada pela terra, o que dará origem a um ciclo de criação.

 

oliverthi_ciclos_triangulo_significado_equilibriooliverthi_ciclos_quadrado_significado_forca_feoliverthi_ciclos_pentagrama_estrela_significado_iluminacao

oliverthi_ciclos_pentagono_significado_uniaooliverthi_ciclos_circulo_significado_infinito

 

em Ciclos, cada material escolhido para desenhar as formas é natural e cuidadosamente escolhido:

madeira
é natural e representa – através da árvore – a vida, o germinar, crescer e evoluir. Representa a natureza e matéria-prima para construção de brinquedos Waldorf, minha forma de viver, paixão e motivo de pesquisa do Mestrado, além de ser constantemente presente em minha vida.

pedra
representa o elemento metal, sendo um minério (a base teoricamente essencial do ferro).
é sólido, rme e na Antroposofia representa a inconsciência – apenas existe. também simboliza as di culdades (problemas e aprendizados) que devemos ultrapassar pela vida, o solo rme para se caminhar e claro, além de representar os próprios caminhos.

terra
considerada um dos quatro elementos alquímicos, tem o signi cado de nascimento e criação.
também representa a natureza, o solo, que se bem cuidado permite dar condições favoráveis para qualquer algo nascer e germinar, além de estar presente em minhas próprias plantas.

fogo
simboliza a vida, o conhecimento intuitivo, a iluminação, a paixão, o espírito. tanto no Ocidente como no oriente, o fogo é um símbolo regenerador e puri cador, e o signi cado sobrenatural do fogo vai desde as almas errantes até o espírito divino. além de iluminar em si, está presente em meus dias no aquecer e preparar de alimentos (cozinhar).

água
simboliza a origem da vida, a fecundidade, a fertilidade, a transformação, a puri cação, a força, a limpeza. elemento primordial, ela é considerada o ponto de partida para o surgimento da vida, ou seja, a origem e o veículo de toda vida. solvente universal, compõe a maior parte de qualquer corpo humano; e semelhante ao ar, sem ela não há vida.

 

curiosidades do OliverThi

as formas geométricas rotacionadas e as cores

como a vida é impermanente e inconstante, as formas apresentam-se desta forma unicamente para representar que nada está sob nosso controle. já as cores, são as minhas favoritas e sua união: amarelo e azul, compondo o verde; o preto e o branco, simbolos do bem e do mau.

 

a posição das minhas tatuagens

o pentagrama – a forma geométrica de 5 pontas – aparece na pintura de Leonardo da Vinci (1452- 1519); o “Homem Vitruviano” surge dentro de um círculo, o que demostra o ciclo de todas as coisas.

esta quantidade – 5 – é desde Pitágoras considerado o numero da união, da harmonia e do equilíbrio. está associado ao homem, já que o seu corpo pode ser dividido em cinco partes e os seus cinco sentidos são utilizados para a perceção do mundo.

Santa Hildegarda considerava o número cinco como o número do homem que, dividido em cinco partes, ou cinco quadrados no comprimento e outros cinco na largura, se podiam inscrever num quadrado perfeito, facto que foi representado por Leonardo da Vinci. Santa Hildegarda mencionava ainda as cinco extremidades da cabeça, mãos e pés, os cinco sentidos e dos cinco dedos das mãos e dos pés.

desta forma, a lógica aplicada nas formas geométricas que existem em mim, seguem esta ordem: cada elemento em uma das partes do pentagrama: cada braço (direito e esquerdo), perna (direita e esquerda) e o centro (peito), onde elas foram e serão feitas, em cada etapa/ciclo de minha própria vida.

 

oliverthi_homem-vitruvianoHomem Vitruviano, de Leonardo da Vinci

é este desenho famoso que acompanhava as notas feitas pelo artista por volta do ano 1490 num dos seus diários. descreve uma gura masculina nua separada e simultaneamente em duas posições sobrepostas com os braços inscritos num círculo e num quadrado. a cabeça é calculada como sendo um oitavo da altura total. às vezes, o desenho e o texto são chamados de Cânone das Proporções.

o desenho atualmente faz parte da coleção da Gallerie dell’Accademia (Galeria da Academia) em Veneza, Itália.
examinando o desenho, pode ser notado que a combinação das posições dos braços e pernas formam quatro posturas diferentes. as posições com os braços em cruz e os pés são inscritas juntas no quadrado. por outro lado, a posição superior dos braços e das pernas é inscrita no círculo. isto ilustra o princípio que na mudança entre as duas posições, o centro aparente da gura parece se mover, mas de fato o umbigo da gura, que é o verdadeiro centro de gravidade, permanece imóvel.

 

pronto!
fez algum sentido pra você? =)

com carinho,
oliverthi_

oliverthi_yuri_lisboa

oliverthi_oculos_BK

quer receber cartinhas virtuais de surpresa?

então, manda bala!
e relaxa, eu não vou lotar sua caixa de e-mails ¬¬

seu nome

seu e-mail

oliverthi_oculos_BK

bibliografia / fontes de pesquisa:

SEM DADOS. Dicionário de Símbolos.
Disponível em: http://www.dicionariodesimbolos.com.br/triangulo

SEM DADOS . Cinco (Simbologia) in Atrigos de apoio Infopédia [em linha].
Porto: Porto Editora, 2003-2017. Disponível em:
https://www.infopedia.pt/$cinco-(simbologia)

VENTURA , Solange Christtine. Cura e Ascensão.
Disponível em: http://www.curaeascensao.com.br/curiosidades_arquivos/curiosidades20.html

SEM DADOS. Recicloteca.
Disponível em: <http://www.recicloteca.org.br/material-reciclavel/metal/

HELLER, Eva. A psicologia das cores: como as cores afetam a emoção e a razão.
1 edição, São Paulo. GG – Gustavo Gili, 2013.

FRASER, Tom. BANKS, Adam. O guia completo da cor. São Paulo, Editora Senac São Paulo, 2007.

comente a vontade :D

pessoas falando <3